19 de junho de 2018

O QUE É ESQUERDA ATUALMENTE?


A esquerda é o compromisso recíproco entre o povo mais humilde e o líder político. Nos jornais e nas TVs assiste-se candidatos, como Marina, oriunda do PT, Roberto freire, oriundo do PCB, PSOL, PCdo B, PSB, todos querendo herdar e levar essa parcela do eleitorado. E quem é essa parcela do eleitorado? O pobre, o deserdado absoluto do capital financeiro, ainda sem ideologia de classe. Mas o único partido que, nesse momento, pode se dizer de esquerda é o PT. E por que? Porque é o único partido que firmou, de fato, uma relação de dependência direta com o povo. Na sua formação e trajetória o PT não tinha, majoritariamente, essa visão de classe e de luta de classe, que a governança presidencial por treze anos permitiu. O PT e seu líder maior, Lula, mesmo cercado de inimigos ferozes de classe, conseguiu, pela primeira vez no Brasil, mostrar na prática uma política de classe. Portanto, lançada a luta de classe no Brasil.

18 de junho de 2018

FUTEBOL E O GLOBO



A influência negativa da rede Globo no Brasil não se resume à política e à economia, chega ao futebol. É cada vez mais difícil separar onde começa e onde termina seus interesses comerciais. Para o Globo futebol é fonte de renda, além de seu uso ideológico, de “circo”, de captura e manipulação do cidadão. Todos estão lembrados da campanha contra a Copa no Brasil, temendo sucesso para o governo do PT. Até os 7x1 merecem uma análise dessa influência nefasta. No campeonato nacional impõem os horários para não prejudicar as novelas, outra fonte de manipulação e renda. Tudo pela audiência, para só levar vantagens. Na seleção de futebol atual e passadas, promove os ídolos que se submetem aos seus interesses comerciais, é o caso atual do Neymar. Endeusam tanto o jogador, que até o técnico (não só o Tite, mas outros do passado recente) ficam temerosos de tocar, mesmo quando prejudicam à seleção.

              
 

                           

 

14 de junho de 2018

GLEISI: "A BOLA DA VEZ"

  1. A campanha de difamação e demonização contra o PT e todas suas maiores lideranças, não vai parar em José Dirceu, Lula, Dilma. Foi para isso que foi criado a lava-jato e esse “justiceiro”, chamado Moro. Financiado pela CIA e pelo mercado financeiro seu papel tem sido claro: liquidar o PT e o que representa na defesa do povo mais humilde, do Estado e do país. Para isso, dispensaram, até agora, as forças armadas e capturaram o MPF, o STF e a PF, enfim, a justiça e a polícia. Rasgaram a Constituição e toda ordem constitucional. Gleisi Hoffmann, presidente do PT, é inocente, mas para eles, isso não importa. Não precisam de provas, só denúncias e evidências. É assim que funciona o Brasil da Inquisição atual. Até onde isso vai, ninguém sabe. Mas, sem dúvida, essa ordem e injustiça chegará a todos.

A ARMADILHA DO FUTEBOL

 

Todo torcedor brasileiro sabe que o futebol não vai lhe fornecer salário decente, emprego, moradia, educação, saúde, segurança, etc. Sabe também que isso só quem pode proporcionar é a política, através do voto. Mas esse mesmo torcedor não sabe que a sociedade é dividida em classes e fica esperando dos ricos a solução de seus problemas. Uma ilusão. Na sociedade há ricos e pobres. O rico só defende seus interesses e se lixe o pobre. É dono de tudo, inclusive das TVs, rádios e jornais, e só divulga o que lhe interessa. Qual é então o papel do pobre, abaixar a cabeça que nem avestruz e jogar tudo no prazer que o futebol proporciona? Não. O pobre pode e deve acompanhar futebol, mas não pode entregar seu destino e de sua família nas mãos dos ricos. Votar consciente, acompanhar quem votou, cobrar e mudar, se for o caso. Não há outro caminho. Do contrário, o pobre será sempre explorado sem emprego, saúde, moradia.

11 de junho de 2018

DOAÇÃO D PRÉ-SAL PARA EUA

Eis a razão principal do golpe: energia. Daí a pressa dos golpistas e EUA, antes que o governo Temer acabe. Doar, sob a farsa de leilão, nossas reservas de 17 bilhões de barris de petróleo do pré-sal. Lava-jato é uma farsa para desviar a atenção com combate à corrupção. Só atinge quem discorda dessas negociatas contra o Brasil e seu povo pobre, como o PT, Lula e Dilma. Corrupção é a essência do poder dessa elite. Vende o Brasil, vende seu povo como escravo, vende tudo para enriquecer. Todos estão lembrados da vergonhosa doação da Vale do Rio Doce, por FHC, do PSDB. Esses homens nasceram no Brasil, mas não são brasileiros. São agentes de outros países, da CIA, são X-9. FHC, traiu o povo porque foi eleito, mas Temer é mais grave, pois foi golpe. Todas as suas medidas são ilegítimas e devem ser revogadas, através de um “Referendo revogatório”, que Lula já prometeu que fará, eleito presidente.

9 de junho de 2018

INDEFINIÇÃO POLÍTICA


Os golpistas criaram um fato inusitado no Brasil: indefinição política sobre o futuro, tanto para a direita, quanto para a esquerda. Golpearam o voto soberano e a Constituição e entregaram o poder a uma gang de bandidos e depredadores das riquezas do país e dos direitos dos trabalhadores. Prenderam, sem absolutamente nenhuma prova concreta, o líder principal da oposição e querido dos mais pobres. Insistem numa eleição fraudulenta, para permanecerem no poder, e uma agenda suicida, que aniquila tudo e todos. Não pode dar certo. É coisa de muito atraso. Mas possuem nas mãos a repressão do Estado, os três poderes e a mídia venal. O que pretendem? Que o povo cometa haraquiri e vote neles? Impossível. O PT colocou uma cunha (de realizações sociais) nos treze anos de governo. O povo mais humilde aprovou. Impossível o PT e Lula recuarem. A direita não tem saída, mesmo endurecendo

8 de junho de 2018

POLÍTICA É COMO NUVEM: MUDA DIAIRIAMENTE

Hoje, dia 8/6, pela esquerda (PT): Gleisi transmite orientação de Lula: campanha nacional é prioridade absoluta para o PT. Depois, a reeleição dos atuais governadores e ampliação bancadas federais, mas mesmo assim, tudo subordinado à campanha nacional do partido (Lula). PSOL, PDT e PC do B mantém suas candidaturas à presidência. Pela direita, há uma aposta dos golpistas no “quanto pior melhor “, que está apostando no caos das contas públicas, explosão da dívida, aumento da inflação, no aprofundamento da desmoralização de Temer, na ameaça de eleição de Bolsonaro e no crescimento de Lula. Essas são aferições de temperatura política que joga o mercado financeiro, termômetro de uma possibilidade de escalada do 2º. golpe. Agora é observar a transição de 64. Fim das “Diretas Já”, via colégio eleitoral, com presidente da confiança deles (Sarney). Essa elite ainda não saiu dos três séculos de escravidão.

7 de junho de 2018

MEGA-SENA MERECE INVESTIGAÇÃO


Apesar de ser um jogo, é oficial e milhões de brasileiros investem numa derradeira esperança. Analisando o currículo da quadrilha que assumiu o poder a partir de 2016, tudo que colocaram as mãos está sob suspeita. Cunha, Geddel, Temer, Padilha, Moreira, Jucá e outros retiraram e retiram recursos de áreas nobres, como saúde, educação e fundos diversos, recursos fixos. Imagine dinheiro de jogo, que é imprevisível e de ninguém. Esses sorteios que saem para uma única pessoa de longínquo local precisa ser investigado pela Polícia Federal. Já foi dito, à boca pequena, que colocam pedras mais pesadas nos números dos sorteios. Com esse pessoal não se brinca. É uma doença terminal.  Muitos diretores da Caixa Econômica continuam e foram indicados por eles

ELEIÇÕES 2018 V


A mídia vem criando vários monstros para ameaçar o PT e suas candidaturas majoritárias, tanto na presidência da República, quanto nas de governador. Em Minas, quer obrigar o PT a se aliar ao PDT e PSB, para impedir a eleição do PSDB, que carrega dois nomes desmoralizados, como Anastasia e Aécio Neves. O mesmo ocorre em Pernambuco e provavelmente em outros Estados. Esses candidatos, em sua maioria estão, direta ou indiretamente, envolvidos com o golpe e esse quadro de injustiça, desemprego e violência, que vive o Brasil. Tudo criado por eles. São vendilhões, corruptos e hipócritas, que assaltaram o poder do povo. Nessa hora percebem a fúria e o descaso do eleitor. O PT não tem o que temer, tem sua consciência tranquila de dever cumprido, dentro dos limites impostos. Tem seu líder maior preso injustamente, mas com voto e apoio popular. Não deve abrir mão de nada. É sua única chance de derrotar esses falsos aliados. Aprendeu a lição que o único aliado verdadeiro é o povo. Falar a verdade, é o mote